Chora que eu te escuto

Há algum tempo, existia um programa evangélico que se chamava fala que eu te escuto, e me lembrei dele esses dias em uma conversa com um colega consultor.
Estávamos falando sobre as dores dos líderes atuais, então surgiu o “chora que eu te escuto”.
Quando me refiro à Liderança, não faço qualquer associação a cargos, liderar significa reconhecer potenciais alheios e se predispor a desenvolvê-los e para isso, não precisa ser o CEO. Fazemos isso com filhos, pares e também, em cadeiras estratégicas.

Levando em consideração a realidade profissional que estou inserida, neste artigo quando falar de líderes vou me ater a líderes empresariais. E para estes, o momento de chora que eu escuto é relativo à importância de líderes terem profissionais com quem conversar. Não existem mais respostas certas, não existe mais seguir o planejamento estratégico, as respostas não vêm mais de cima para baixo e, por isso, a angústia toma conta. Os líderes estão desorientados, sem indicadores confiáveis, instabilidade financeira e emocional, tendo que encontar soluções para garantir a sobrevivência, sim muitos estão sobrevivendo – líderes e negócios.

Mais do que nunca, investir tempo significativo para compartilhar medos, dúvidas e incertezas traz à tona a vulnerabilidade que sempre existiu, mas ficava embaixo do tapete e maquiada pelo controle, até então previsível, e resultados positivos.

Se você é líder, permita-se compartilhar – com profissionais adequados, seus anseios, expectativas, dores e medos.

Com certeza, explorando essas emoções e sensações, os potenciais também se expressam com maior naturalidade e então, processos decisórios, atenção, conversas difíceis e lidar com incertezas se tornam mais leves e abrem espaços para a coragem para liderar.

Mas faço uma ressalva, tem muitos vendendo lenços e apontando soluções milagrosas que nem sempre são efetivas e confiáveis, por isso, não chore em qualquer ombro.

Voltar

A coragem de ser imperfeito.

29 / 01 / 2019

Na vida não temos certeza de absolutamente nada, vivemos em um mar de incertezas. Mas quem disse que viver incertezas precisa ser algo negativo?

Saiba mais

O que te falta?

20 / 08 / 2018

Sabe aquela insatisfação que você sente? Você já pensou porque tem essa sensação? Pare para refeltir! Nós somos seres de faltas, o problema é quando exageramos na dose dessa sensação e nos tornamos viciados em reclamar.

Saiba mais