Crenças, quais são as suas?

Todos nós quando nascemos somos uma espécie de folha em branco, a medida que nos relacionamos, adquirimos experiências e ao interagimos nos deixamos sem nos darmos conta, influenciar a forma como pensamos.

As crenças se formam exatamente dos nossos pensamentos, alguns positivos e outros nem tanto que chamamos de crenças limitantes no processo. Elas são as ideias que — consciente ou inconscientemente — nos impede de sermos melhores e conquistar mais.

Para que você consiga identificá-las, abaixo contem exemplos de crenças:
–  “nunca vou emagrecer”;
– “nada dá certo pra mim”;
– “não tenho tempo para nada”;
– “homens não prestam”.

É possível mudar esse mindset?
Sim! O que precisa ser feito é identificar quais são suas crenças para então, ressignificá-las.

Por isso, o primeiro passo para identificar as suas crenças limitantes é fazer uma avaliação dos seus próprios pensamentos com perguntas fomo:
– Você acredita no que sonha?
– o que o impede de agir?
– você é autocrítico em excesso?

 

Agora, com base nessas respostas das perguntas exemplos, faça algo com as respostas encontradas, seguindo o roteiro abaixo:
1- Identifique as crenças limitante. Anote-as e tenha consciência delas;
2- Avalie a causa por trás dela e compreenda o seu gatilho ou seja, o que a dispara.
3- Substitua a crença limitante por uma crença fortalecedora.
4- Internalize a nova crença na sua rotina.

Lembre-se que a consciência é a principal tarefa desse exercício, pois é a partir dela que você vai reconhecer suas crenças limitantes e avaliar as causas que as originam.
Eliminar os pensamentos tóxicos com certeza é o caminho para almejar aquilo que é importante na sua vida.

Voltar

Não te arrependas!

12 / 09 / 2018

Se arrependimento matasse…você já falou esse dito popular? Acho pouco provável que alguém, em algum momento da vida, não o tenha dito.

Saiba mais

Metas SMART em 2019!

14 / 01 / 2019

Você quer organizar suas metas para 2019 e não sabe como? Então, leia esse post e siga as orientações para que você estruture de maneira assertiva seu 2019.

Saiba mais